(011) 4990-0366 / 4990-0168

info@apmsantoandre.org.br

Com transmissão via zoom

Segunda, 21 de junho de 2021


A presidente da Associação Paulista de Medicina São Bernardo e Diadema, Dra.Thereza Christina Machado de Godoy, e a psiquiatra Cíntia A. Marques Périco, da Clínica Facili, participarão de uma live no próximo dia 21, a partir das 19h30, para falar do programa COVIDAmente. Sem dúvida, será uma oportunidade para você conhecer a pesquisa que as três APMs Regionais do Grande ABC estão promovendo, com o objetivo de levantar dados sobre o nível de ansiedade e depressão nos médicos durante a pandemia, especialmente naqueles que atuam na linha de frente de combate ao COVID.

Com transmissão via Zoom

APM Regionais do Grande ABC promovem programa

de apoio e acolhimento aos médicos

Profissionais exaustos física e emocionalmente, estressados e ansiosos. Estas são algumas das percepções de médicos e médicas, boa parte que atua na linha de frente de combate ao coronavírus, sobre os reflexos da pandemia em sua rotina de vida profissional e pessoal, apresentados na IV edição da pesquisa “Os médicos e a pandemia de Covid-19”, realizada pela Associação Paulista de Medicina (APM) e pela Associação Médica Brasileira (AMB), com 3.882 médicos de todas as regiões do País, apresentada em janeiro deste ano.

Esse panorama é sério e exige medidas de apoio àqueles que estão ajudando a salvar vidas. E foi justamente com o objetivo de promover ações eficazes em benefício da classe médica que as Regionais do Grande ABC da Associação Paulista de Medicina, em parceria com a Clínica Facili, uniram forças para a realização do COVIDamente, um programa que visa fornecer apoio e acolhimento aos médicos que estão vivendo consequências no enfrentamento da Covid-19.

Séria, prática e rápida, a pesquisa está sob a responsabilidades das psiquiatras Profª Dra. Flávia Ismael Pinto, Profª Dra. Cintia de Azevedo Marques Périco e da Profª Dra. Ligia Florio, da Clínica Facili, que vão acompanhar as respostas e, a partir delas, avaliar a saúde emocional dos colegas em relação à ansiedade e à depressão e os seus impactos na vida física e emocional. A partir dos resultados, as Regionais irão elaborar ações de suporte e cuidados tão importantes neste delicado momento que os médicos atravessam.

Para a tranquilidade, segurança e conhecimento dos participantes, a pesquisa tratará os dados coletados de forma sigilosa. “Somente as três médicas psiquiatras verão as respostas individuais dos médicos; nossas regionais da APM terão acesso somente à tabulação das respostas, sem identificação dos respondentes. As Regionais da APM terão acesso apenas aos dados agrupados. Este compromisso está escrito no Termo de Consentimento e garantirá o sigilo para todos os colegas participantes”, garante o presidente da APM Santo André, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, Dr. Newton Ota Takashima.

É muito importante a participação dos médicos que trabalham ou moram em uma das sete cidades que integram a região do Grande ABC. E de acordo com o Dr. Newton: “Também podem participar outros médicos que queiram colaborar ou se avaliar. Queremos, assim, ajudar a cuidar de quem está cuidando de todos nós”

Dr., não deixe que o agravamento da pandemia do coronavírus agrave a sua saúde emocional também. Você não precisa passar por isso sozinho. As Regionais das APM estão ao seu lado.

Acesse: https://covidamente.com.br/ e responda à pesquisa COVIDamente.

Participe. Caso conheça outros médicos, compartilhe com eles essa iniciativa. Para conferir a pesquisa, acesse o site e responda à pesquisa: covidamente.com.br/

 

« voltar